segunda-feira, 9 de abril de 2012

Deixa de ser Barby*

De Nísia Back** e Mariano da Rosa***

Barby

Deixa de ser Barby
Garota não estrague
Nossa relação

Luxo
Cem por cento fútil
Tem um caça-níquel
No seu coração

Madona do pedaço
Tá se achando
Procuro e não me acho
Dentro dos seus planos

Seu sonho de consumo
É ir p'ra Nova York
Garota eu vou te ensinar
Mudar tua sorte

Sai desse espelho
Deixa o batom vermelho
E vem correndo p'ra mim
Na faculdade do amor

Eu quero ser o teu professor
Ôôôôô...
Deixa de ser Barby
Ôôôôô...
Ô Barby...

*arranjos de Cleriston Alves
**intérprete, compositora e produtora musical
***poeta, investigador e ensaísta, autor de "O Todo Essencial" [Universitária Editora - Lisboa / Portugal]